Terça, 23 de Julho de 2024
6799997-8129
Câmara dos Deputados Câmara dos Dep...

Comissão aprova proposta que disciplina arrendamento por empregados de empresa com falência decretada

Na Câmara, proposta ainda precisa passar pela análise de duas comissões temáticas

14/03/2024 10h57 Atualizada há 4 meses
Por: Redação Fonte: Agência Câmara
Zeca Ribeiro/Câmara dos Deputados
Zeca Ribeiro/Câmara dos Deputados

A Comissão de Trabalho da Câmara dos Deputados aprovou projeto de lei que permite aos empregados constituir uma sociedade para assumir o controle de empresas com falência decretada.

O texto estabelece uma série de medidas, como permitir o uso de créditos trabalhistas para adquirir o controle da empresa. O roteiro prevê ainda:

  • os empregados terão prioridade no arrendamento do estabelecimento;
  • a assembleia geral de credores deve aprovar a aquisição;
  • o valor do arrendamento deve levar em conta a média de faturamento no últimos 12 meses;
  • os novos controladores terão assegurados as marcas, patentes, máquinas e outros ativos imprescindíveis.

O texto aprovado concede ainda uma carência mínima de 12 meses para início do pagamento do arrendamento. As regras aprovadas são inseridas na Lei de Recuperação de Empresas e Falências e na Lei do Seguro-Desemprego .

Continuação da empresa
O Projeto de Lei 10225/18 recebeu parecer favorável da relatora, deputada Erika Kokay (PT-DF). “Esta proposta é extremamente positiva, na medida em que permite a continuação da empresa controlada por seus empregados”, disse.

Kokay apresentou um substitutivo com pequenos ajustes no texto original, que é de autoria de três deputados do PT. Ela deu destaque especial ao dispositivo que mantém o direito ao seguro-desemprego aos empregados que assumirem o controle de empresa em falência. Segundo Kokay, a medida é “socialmente justificável”.

Próximos passos
O PL 10225/18 será analisado agora, em caráter conclusivo, nas comissões de Indústria, Comércio e Serviços; e de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ).

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias