Terça, 21 de Setembro de 2021
67998539514
Brasil Clima

Onda de calor persiste sobre o Brasil nos próximos dias

No fim do mês, dias mais frios devem fazer parte da vida da campo-grandense

20/08/2021 19h39
Por: Redação
Onda de calor persiste sobre o Brasil nos próximos dias

A circulação atmosférica entrou em uma situação de bloqueio esta semana e vai continuar assim por mais alguns dias. Por aproximadamente uma semana, os ventos nos níveis mais elevados da atmosfera vão formar a barreira que vai impedir a entrada do ar frio de origem polar sobre o Brasil. Até o Rio Grande do Sul terá dias de calor intenso, mas alternados com dias frescos.

Sem a presença do ar frio de origem polar, e considerando que em agosto já temos um aumento natural da insolação, (número de horas de sol disponíveis para aquecer o ar), as temperaturas vão subir nesses próximos dias em grande parte do país. Estados do Sudeste, do Centro-Oeste e parte da Região Sul vão viver uma onda de calor.

Calor e ar muito seco

A população do Sul, do Sudeste e do Centro-Oeste do país devem ficar atentas para níveis de umidade do ar muito abaixo do recomendado para saúde e para o conforto humano, que é em torno de 60%, segundo a Organização Mundial da Saúde.

Com a falta de chuva prolongada, o que é comum nos meses de inverno na maior parte do país, e agora com esse grande aquecimento, os níveis de umidade do ar que já vinham baixando em muitas áreas do país vão ficar perigosamente baixos, por muitos dias consecutivos, colocando em risco a saúde da população. Outro problema associado ao ar extremamente seco é a facilidade de expansão de focos de fogo.

Só nesta semana, níveis de umidade do ar entre 11% e 15% já foram observados nos estados do PR, SP, MG, MS, GO, MT, TO, PA e CE

Praticamente todo o Brasil vai ficar sem chuva pelo menos por mais 10 dias. As poucas precipitações vão ficar concentradas sobre o Amazonas, Acre, Roraima, Amapá e no extremo norte do Pará, e também alguns locais da faixa litorânea do Nordeste. Algumas áreas de instabilidade provocam pancadas de chuva isoladas sobre o Rio Grande do Sul.

Temperaturas extremas

A onda de calor que persiste sobre o Brasil nos próximos dias não será severa como a a que ocorreu na primavera de 2020, quando durante parte de setembro e de outubro, temperaturas de 42°C a quase 45°C foram observadas de forma generalizada sobre o Sudeste e o Centro-Oeste do país, além de parte da Região Norte e do Nordeste e também sobre o Paraná.

Temperaturas de 35°C a 38°C são esperadas em grandes áreas do Sudeste e do Centro-Oeste, com picos de 40°C no Centro-Oeste

Onda de frio no fim de agosto

Bloqueios atmosféricos podem acontecer em qualquer época do ano e normalmente são rompidos por uma ou mais frentes frias, com pouco intervalo entre uma e outra, como moderada a forte intensidade.

Esse bloqueio atmosférico que será observado nos próximos dias será rompido por uma forte frente fria que deve conseguir avançar sobre América do Sul no final de agosto.

 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Campo Grande - MS
Atualizado às 16h31 - Fonte: Climatempo
35°
Tempo aberto

Mín. 22° Máx. 39°

37° Sensação
30 km/h Vento
39% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (22/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 35°

Sol com algumas nuvens
Quinta (23/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 20° Máx. 35°

Sol com algumas nuvens
Ele1 - Criar site de notícias